.

.
O  ARCANJO MIGUEL É JESUS ?
Tanto os adventistas como as Testemunhas de Jeová ensinam que São Miguel Arcanjo e Jesus são a mesma pessoa. Isso é falso!

O arcanjo Miguel é mencionado cinco vezes na Bíblia (Dn 10.13;12.1; Jd 9 e Ap 12.7). Em nenhuma dessas citações afirma-se que ele seja Jesus!
A Bíblia mostra a diferença entre Jesus e S. Miguel:
 1) Jesus é Criador (Jo 1.3), Miguel é criatura (Cl 1.16).
2) Jesus é adorado pelos anjos, e inclui-se aí Miguel (Hb 1.6); Miguel não pode ser adorado, como nenhum anjo pode (Ap 22.8-9).
3) Jesus é Senhor dos senhores (Ap 17.14); Miguel é príncipe (Dn 10.13);
4) Jesus é o Rei dos reis (1 Tm 6.15); Miguel é o príncipe dos judeus (Dn 12.1) (V. Hb 1.5-6).
“Mas, o arcanjo Miguel, quando lutava com o diabo, e disputava a respeito do corpo de Moisés, não ousou pronunciar contra ele juízo de maldição, mas disse: O Senhor te repreenda” (Judas 9).
Esta passagem é a que mais claramente se contrapõe à tese adventista, porque menciona pessoas distintas.
A primeira, o arcanjo Miguel; a segunda, o Senhor. Se o arcanjo Miguel fosse o próprio Senhor, ele mesmo repreenderia o diabo.
 Basta um sopro do Senhor para colocar o inimigo por terra: “A vinda desse iníquo, a quem o Senhor desfará pelo sopro da sua boca, e aniquilará pelo esplendor da sua vinda”
(2 Ts 2.9).
Em Marcos 16.17 Jesus concede poder aos seus seguidores de usar o seu nome para expulsar demônios: "Em meu nome expulsarão demônios..." e os demônios não suportavam a autoridade desse nome e se retiravam. Como S. Miguel e o Senhor Jesus podiam ser a mesma pessoa, se Miguel não ousou repreender Satanás, o que foi feito por Jesus várias vezes durante o ministério na terra?
Os anjos são mensageiros de Deus para serviços importantes e variados (Hb 1.13-14). São seres gloriosos e poderosos. Deus não criaria um exército fraco. O que os anjos são e fazem, o fazem com base no poder delegado por Deus!
O nome Miguel significa "Quem é Como Deus?". É uma pergunta, não afirma  que Miguel seja Deus. Já o nome Jesus significa "Javé é o Salvador". É uma afirmação que enfatiza a diferença com S. Miguel.
Jesus, diferentemente de Miguel, é o Criador do próprio Miguel. Em Cl 1.16, lemos: "Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades; tudo foi criado por ele e para ele".
Daniel 12.1: "E naquele tempo se levantará Miguel, o grande príncipe, que se levanta pelos filhos do teu povo, e haverá um tempo de angústia, qual nunca houve, desde que houve nação até àquele tempo; mas naquele livrar-se-á o teu povo, todo aquele que se achar escrito no livro".
No tempo da grande tribulação para o povo judeu (Jr 30.7), depois do arrebatamento da Igreja, Miguel se porá a favor do povo de Deus, que por fim, aguardará o seu Messias, Jesus Cristo (Zc 12.10; 14.4).
"E houve batalha no céu; Miguel e os seus anjos batalhavam contra o dragão, e batalhavam o dragão e os seus anjos;" Ap 12:7
Jesus, não necessitaria, travestir-se de arcanjo para batalhar contra Satanás.
O próprio Senhor disse algo com esse sentido no Getsemâni.
"Ou pensas tu que eu não poderia agora orar a meu Pai, e que ele não me daria mais de doze legiões de anjos? "
 Mt 26:53
Existe um fenômeno chamado Teofania (o aparecimento da divindade em forma humana, anjo, fogo, etc.)
Tomemos como exemplo, Abraão e os três anjos, sendo que um deles o próprio Abraão reconheceu como sendo Deus.
Compreenda que a Teofania é uma aparição de Deus (manifestação), é muito diferente de dizer que Jesus era um anjo, ou que Miguel é um Título de Jesus como afirmam os Adventistas do 7º. Dia.
 Ainda na natureza de ambos, se nota que Miguel é arcanjo enquanto Jesus é Deus, a segunda pessoa da Trindade. O Deus verdadeiro único é o que sendo um na essência, é trino nas Pessoas. É chamado Deus Criador em Jo 1.1-3. "No princípio era o Verbo, e o Verbo estava com Deus, e o Verbo era Deus. Ele estava no princípio com Deus. Todas as coisas foram feitas por ele, e sem ele nada do que foi feito se fez" 
No livro de Hebreus, temos uma revelação clara que o próprio Deus, faz diferenciação entre o Filho e os anjos."Porque, a qual dos anjos disse jamais: Tu és meu Filho, Hoje te gerei? E outra vez: Eu lhe serei por Pai e Ele me será por Filho? E outra vez, quando introduz no mundo o primogênito, diz: E todos os anjos de Deus o adorem."
(Hb. 1.5-6)


 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENÁRIO OU ESCREVA PARA NÓS PELO E-MAIL:
apostolosdarosamistica@hotmail.com