.

.
IGREJA CATÓLICA- MÃE DA CIVILIZAÇÃO MODERNA!
Confira como a Igreja Católica construiu a Civilização Moderna e a livrou da ignorância e do massacre dos Bárbaros!
A Igreja Católica teve de empreender a árdua tarefa de introduzir a lei do Evangelho e o Sermão da Montanha entre os povos Bárbaros, que tinham o homicídio como a mais honrosa ocupação e a vingança como sinônimo de justiça. (Christopher Dawson)
Toda vez que um protestante, um comunista, ateu ou qualquer outro inimigo da Igreja, que gosta de erroneamente chamar a Idade Média de “trevas”, estão enganados ao dizer que a Igreja é “primitiva”, é “medieval” e que eles mesmos são da Era do celular, televisão, DNA, Genética, Genoma, Física, fibra ótica, viagens espaciais ou energia nuclear... Eles deveriam receber dos católicos a resposta:
“Nós não tivemos essas coisas na Idade Média porque estávamos ocupados em inventá-las e descobri-las para que as tenhas hoje.” - e indagar-lhes -
“os que pensam como ti, o que oferecerão às futuras gerações?”
A Igreja Católica fundou a primeira universidade do mundo, em Bolonha, na Itália. A criação da instituição dá à Europa o impulso intelectual que desembocaria no Renascimento no século XIV, e na Revolução Científica.
- Reginald Grégoire (1985), afirma: “os monges deram a toda a Europa… uma rede de fábricas, centros de criação de gado, centros de educação, fervor espiritual, … uma avançada civilização emergiu da onda caótica dos bárbaros”. Ele afirma que: “Sem dúvida alguma S. Bento (o mais importante arquiteto do monarquismo ocidental) foi o Pai da Europa. Os Beneditinos e seus filhos, foram os Pais da civilização Européia”;
- O nosso padrão de contar o tempo foi criado por um monge católico chamado Dionísio, por volta do início do século 4;
- Foram os católicos escolásticos que criaram a Ciência Econômica Moderna. Foram eles que criaram a economia, e não os secularistas do Iluminismo!
Um dos princípios mais importantes que a Igreja legou ao desenvolvimento das ciências vem de um verso bíblico! Um verso bíblico que foi um dos mais citados durante toda a Idade Média. Esse verso é: Sabedoria 11, 21, esse verso diz: que “ Deus dispôs tudo com medida, quantidade e peso”. Daí a ciência ter conseguido tanto êxito por crer que vivemos num universo ordenado. É tudo matemático e ordenado de acordo com padrões. Por isso Santo Agostinho (354-430), já afirmava: “Deus é um grande Geômetra.”
Detalhe: o protestantismo, fundado em 1517 retirou o Livro da Sabedoria de suas bíblias. O desprezo protestante a Copérnico e à ciência, ficou documentado nas palavras de Lutero, que dizia: “O abade Copérnico surgiu, pretendendo que a terra girasse em torno do Sol ... lê-se na Bíblia que Josué deteve o Sol; não foi a Terra que ele deteve. Copérnico é um tolo.” (Funck-Brentano, Martim Lutero, Casa Editora Vecchi, 1956, 2a. ed. Pág. 145).
Albert Einstein declarou: “Só a Igreja se pronunciou claramente contra a campanha de Hitler que suprimia a liberdade. Até então a Igreja nunca tinha chamado minha atenção; hoje, porém, expresso minha admiração e meu profundo apreço por esta Igreja que, sozinha, teve o valor de lutar pelas liberdades morais e espirituais".
 (Albert Einstein, The Tablet de Londres);
- A invenção dos mais modernos e imprescindíveis meios de comunicação, deve-se a um membro da Igreja, o brasileiro padre Landell, inventor pioneiro do rádio, do telefone sem fio, do telégrafo sem fio, da televisão e do teletipo usado pela imprensa.
- O padre Gregor Mendel (1822-1884), é considerado no meio científico como "o pai da genética". Graças a Mendel, o troca-troca genético de que a gente tanto ouve falar hoje se tornou possível.
- O primeiro relógio de que tivemos notícia foi construído pelo futuro papa Silvestre II em 996;
- Os papas estabeleceram mais universidades do que qualquer outra pessoa na Europa;
- Até 1440 foram erigidas na Europa 55 Universidades e 12 Institutos de ensino superior, onde se ministravam cursos de Direito, Medicina, Línguas, Artes, Ciências, Filosofia e Teologia. Todos fundados pela Igreja; 
- O monge Luca Bartolomeo Pacioli é considerado o pai da contabilidade moderna. Um dos seus alunos foi Leonardo da Vinci;
Sobre a ciência, chamada de “razão” naquele tempo, dizia Lutero: “A razão é a prostituta, sustentáculo do diabo, uma prostituta perversa, má, roída de sarna e de lepra, feia de rosto, joguemos-lhe imundícies na face para torná-la mais feia ainda.” (Funck-Brentano, Martim Lutero, Casa Editora Vecchi, 1956, 2a. ed. Pág. 217).
Eis o grande legado da Igreja Católica à Civilização Moderna, e em contraste, a verdadeira aversão grotesca à ciência, externada pelo pai do protestantismo.



Um comentário:

  1. A GÊNESE E CELEUMAS NO ÂMAGO DO PROTESTANTISMO

    Lutero, fundador do protestantismo foi inicialmente maçon e há literaturas vinculando-o aos Rosacruzes, dos quais também há ramificações protestantes - até seus símbolos assemelham-se - e se fez padre para prejudicar a Igreja; consta nos anais históricos que possuía uma amante e, por ter feito os votos de castidade, desejava suprimir o celibato eclesial para evadir-se da situação.
    Atualmente, outras várias sociedades secretas acossam a Igreja, infiltrando-a na tentativa de a implodir. Há evangélicos que admitem patentemente que pastores pertencem às sociedades secretas e até ligações com o socialismo/comunismo, pois muitos admitem certas teorias e práticas, como o aborto, do qual um nome é bastante sabido; também elos com outros grupos maçônicos são bastante consistentes. A Igreja Católica penaliza com excomunhão a quem se associar à maçonaria, por apostasia.
    À sua morte, Lutero enforcou-se, e de manhã, relatos históricos dos circunspectantes, depararam-se com seu rosto todo desfigurado, a sua feição horripilante, a ponto de causar pavor aos que o vislumbraram após seus criados o procurarem para servi-lo.
    Disso conclui-se que o embasamento sobre o qual se apoiam os pretensos evangélicos são extremamente frágeis e inseguros - seitas de cristianismo de fachada existentes por aí, abocanhando-se mutuamente por graves acusações - confira-o no You Tube - e arrebanhando os católicos de comportamento ignorante, apenas de tradição, a maioria, por experts do ramo religioso com seus artifícios de retórica para os enganar com ideologias religiosas.

    Acrescente-se a isso que quase todas igrejas evangélicas possuem um comportamento semelhante a centros espíritas, com cenas de exorcismo de supostos maus espíritos e malefícios, assim como ações para turbinar a vida financeira, situações de transe com gritos generalizados no salão onde se efetuam as reuniões.

    A religião professada por supostos evangélicos não possui nenhum embasamento teológico, senão meras sociedades de cultura religiosa entre amigos, onde cada um é o auto intéperprete e pastor tem todos seus ensinamentos monitorados por cada um, sujeitos ou não à aceitação, tudo dentro do mais absoluto relativismo bíblico-teológico.

    Acha boa ideia comungar com os acima, aliar-se aos heréticos e se inscrever antecipadamente na agenda de Satanás?

    ResponderExcluir

DEIXE SEU COMENÁRIO OU ESCREVA PARA NÓS PELO E-MAIL:
apostolosdarosamistica@hotmail.com