MILAGRES EUCARÍSTICOS
Escondido aos olhos do mundo, CRISTO verdadeiro DEUS e verdadeiro Homem, está presente no Sacramento da Eucaristia, em Corpo, Sangue, Alma e Divindade.
O Novo Testamento ensina que DEUS se fez Homem e veio habitar entre nós, encarnando-se em JESUS CRISTO, Segunda Pessoa da SANTÍSSIMA TRINDADE. Em nosso meio ELE cumpriu uma preciosa Missão de Amor, redimindo a humanidade perante o PAI ETERNO e deixando meios eficazes para sermos felizes aqui na Terra e alcançarmos a salvação eterna no Céu.
O CRIADOR quis provar ao mundo que a Eucaristia é o fundamento da união dos cristãos entre si e com DEUS. Porque ela é o próprio DEUS.
O PAI ETERNO demonstra de maneira viva e inquestionável, que na Santa Missa, acontece verdadeiramente o fenômeno da "Transubstanciação”, ou seja, as espécies de pão e vinho são transformadas pelo ESPÍRITO SANTO em Corpo, Sangue, Alma e Divindade do SENHOR, permanecendo contudo, a aparência das mesmas espécies de pão e vinho.
E de modo maravilhoso, para provar esta Verdade, o CRIADOR providenciou notáveis Milagres Eucarísticos.
São muitíssimos os milagres eucarísticos no mundo todo. Por exemplo, Marthe Robin, uma francesa, milagre eucarístico vivo, alimentou-se durante mais de quarenta anos só de Eucaristia. Teresa Newmann, na Alemanha, durante mais de 36 anos alimentou-se só de Eucaristia. 
Lanciano – Itália – no ano 700 
Durante a celebração da Missa, concluída a consagração do pão e do vinho, a hóstia "transformou-se" em Carne Viva e o vinho em Sangue Vivo formando cinco glóbulos irregulares e distintos uns dos outros em sua forma e tamanho.
As análises, procedidas com absoluto rigor científico e documental de uma série de fotografias ao microscópio, deram estes resultados:

  • A Carne é carne verdadeira. O Sangue é sangue verdadeiro.
  • A Carne e o Sangue pertencem a espécie humana.
  • A Carne pertence ao Coração em sua estrutura essencial.
  • Na Carne estão presentes, em secções, o miocárdio, o endocárdio, o nervo vago e, pela expressiva espessura do miocárdio, o ventrícolo cardíaco esquerdo.
  • A Carne e o Sangue pertencem ao mesmo grupo sanguíneo AB.
  • No Sangue foram encontradas as proteínas normalmente existentes e nas proporções percentuais idênticas às encontradas no sangue normal fresco.
  • A conservação da Carne e do Sangue miraculosos, deixados em estado natural durante doze séculos e expostos aos agentes físicos, atmosféricos e biológicos constitui um Fenômeno Extraordinário.

 O relatório dos cientistas observou outro detalhe impressionante: pesando-se as bolotas de sangue coagulado de tamanho e forma diferentes, cada uma delas tem exatamente o mesmo peso das cinco bolotas juntas!
Trata-se de um milagre que desafia a Ciência e confirma a tese dos Santos Padres de que Jesus está "realmente" presente na Hóstia e no Vinho consagrados nas Missas de todo mundo.
Tal milagre desafia a ação do tempo, desafia a lógica humana e se apresenta como a prova mais viva das próprias palavras de Cristo ("isto é meu corpo...", "isto é meu sangue..").
Turim - Itália - 1453
A igreja e o sacrário da Catedral de Milão foram saqueados e o ostensório de prata foi roubado e colocado em uma carruagem, e levado a Turim. O cavalo parou diante da igreja de S.Silvestre, o ostensório caiu no chão, e levantou´se pairando no ar, com grande esplendor, como o Sol. O bispo Ludovico Romagnano é chamado. O ostensório cai no chão e fica a hóstia no ar. Desce em seguida dentro de um cálice seguro pelo bispo.
 Santarém – Portugal - 1247
Aconteceu no dia 16 de fevereiro de 1247, em Santarém, 65 km ao norte de Lisboa. O milagre se deu com uma dona de casa, Euvira, casada com Pero Moniz, a qual sofrendo com a infidelidade do marido, decidiu consultar uma bruxa judia que morava perto da igreja da Graça. Esta bruxa prometeu-lhe resolver o problema se como pagamento recebesse uma Hóstia Consagrada. Para obter a Hóstia, a mulher fingiu-se de doente e enganou o padre da igreja de S. Estevão, que lhe deu a sagrada Comunhão num dia de semana.
Assim que ela recebeu a Hóstia, sem o padre notar, colocou-a nas dobras do seu véu. De imediato a Hóstia começou a sangrar. Assustada, a mulher correu para casa na Rua das Esteiras, perto da Igreja e escondeu o véu e a Hóstia numa arca de cedro onde guardava os linhos lavados. À noite o casal foi acordado com uma visão espetacular de Anjos em adoração à sagrada Hóstia sangrando. Varias investigações eclesiásticas foram feitas durante 750 anos. As realizadas em 1340 e 1612 provaram a sua autenticidade. Em 5 de abril de 1997, por decreto de D. Antonio Marques, Bispo de Santarém, a Igreja de S. Estevão, onde está a relíquia, foi elevada a Santuário Eucarístico do Santíssimo Sangue.
Deus em algumas ocasiões faz milagres e realiza novas maravilhas para chamar de volta pecadores à penitência, converter os perversos, frustrar as obras do mal de hereges, fortalecer a fé da Igreja Católica, sustentando sua esperança e acendendo sua caridade.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

DEIXE SEU COMENÁRIO OU ESCREVA PARA NÓS PELO E-MAIL:
apostolosdarosamistica@hotmail.com