NÃO ESTOU EU AQUI QUE SOU TUA MÃE ?
Deus Pai nos dá o Seu Filho gerado no ventre de Maria. Maria é o melhor caminho para chegarmos a Jesus. E essa Maria, renegada por muitos, deseja estar bem perto de você!

Num sábado, no ano de 1531, a Virgem Santíssima apareceu a um indígena que, de seu lugarejo, caminhava para a cidade do México a fim de participar da catequese e da Santa Missa enquanto estava na colina de Tepeyac, perto da capital. Este índio convertido chamava-se Juan Diego (canonizado pelo Papa João Paulo II em 2002). Nossa Senhora disse então a Juan Diego para que fosse até o Bispo, pedindo que naquele lugar fosse construído um santuário para a honra e glória de Deus. O Bispo local, usando de prudência, pediu um sinal da Virgem ao indígena que, somente na terceira aparição, foi concedido. Foi quando Juan Diego estava indo buscar um sacerdote para o tio doente.

"Escute, meu filho, não há nada que temer, não fique preocupado nem assustado; não tema esta doença, nem outro qualquer dissabor ou aflição. Não estou eu aqui, a seu lado? Eu sou a sua Mãe dadivosa. Acaso não o escolhi para mim e o tomei aos meus cuidados? Que deseja mais do que isto? Não permita que nada o aflija e o perturbe. Quanto à doença do seu tio, ela não é mortal. Eu lhe peço, acredite agora mesmo, porque ele já está curado. Filho querido, essas rosas são o sinal que você vai levar ao Bispo. Diga-lhe em meu nome que, nessas rosas, ele verá minha vontade e a cumprirá. Você é meu embaixador e merece a minha confiança. Quando chegar diante dele, desdobre a sua “tilma” (manto) e mostre-lhe o que carrega, porém, só em sua presença. Diga-lhe tudo o que viu e ouviu, nada omita…”

O Bispo viu não somente as rosas, mas o milagre da imagem de Nossa Senhora de Guadalupe, pintada prodigiosamente no manto do humilde indígena. Ele levou o manto com a imagem da Virgem para a capela, e ali, em meio às lágrimas, pediu perdão a Nossa Senhora. Era o dia 12 de dezembro de 1531. Uma linda confirmação deu-se quando Juan Diego fora visitar o seu tio, que sadio narrou: “Eu também a vi. Ela veio a esta casa e falou a mim. Disse-me também que desejava a construção de um templo na colina de Tepeyac e que sua imagem seria chamada de ‘Santa Maria de Guadalupe’, embora não tenha explicado o porquê”.Diante de tudo isso muitos se converteram e o Santuário foi construído.
Coroada em 1875 durante o Pontificado de Leão XIII, Nossa Senhora de Guadalupe foi declarada “Padroeira de toda a América” pelo Papa Pio XII a 12 de outubro de 1945. No dia 27 de janeiro de 1979, durante sua viagem apostólica ao México, o Papa João Paulo II visitou o Santuário de Nossa Senhora de Guadalupe e consagrou à Mãe Santíssima toda a América Latina, da qual a Virgem de Guadalupe é Padroeira. "Escuta e compreende meu pequeno filho, o que te assusta e aflige nada é! Não perturbe o teu coração, acaso não estou eu aqui que sou tua mãe?
Não estás tu sob a minha sombra e proteção, sob o meu manto e nos meus braços que te protegem? De que mais precisas, não estou eu aqui que sou tua mãe. De que mais precisas? "

No plano de Deus, Maria de Nazaré tem uma função que se poderia chamar "genético" porque por meio dela o Verbo de Deus se fez carne, se trasforma em homem, tem um DNA que o une à linha de descendência davídica e o faz herdeiro e depositário de todas as promessas que Deus fez a Abraão, as seus descendentes, ao povo eleito para a salvação de toda a humanidade (cfr. Gn 22, 15-18).
A missão de Maria é fundamental porque dela emana aquela Vida do Filho, seu Jesus, que invadirà a Terra. Sem ela não teria existido senão o deserto da morte devido ao pecado da primeira mulher, Eva, a mãe de todos os homens nascidos sobre o signo da rebelião a Deus.Assim se entende como o Pai quis renovar o plano imenso da criação recomeçando tudo do início com uma nova Eva e com um novo Adão, Maria e Jesus. Mas este projeto teria sido impossível se não tivesse tido a livre decisão de Maria que com o seu "sim" generoso à Anunciação do Anjo, aceitou plenamente e responsávelmente a vontade de Deus, em qualquer modo fosse manifestado, transformado-se assim na única criatura humana capaz de total docilidade aos desegnos do Pai. (crf. Lc 1, 26-38).Todos os privilégios de Maria derivam da sua missão única.Como Mãe de Deus é Imaculada. Como Mãe de todos aqueles que serão salvados pelo Filho, é Corredentora.
Como única criatura, preservada do pecado original em previsão da morte salvífica do Filho, é recebida no céu em alma e corpo. Ela não passa pela corrupção do sepulcro, porque não deve expiar pela punição devida ao pecado original.Por isso em Maria se realiza de antemão toda a grandeza salvífica querida da SS. Trindade para cada criatura. Ela é a icone na qual, cada homem e cada mulher da Igreja, encontra a sua vocação e a sua perfeição.


2 comentários:

  1. Em 12 de outubro celebramos o dia da Nossa Senhora Aparecida.
    Convidamos você a conhecer a história e a oração da padroeira do Brasil:
    http://www.santoprotetor.com.br/portal/santo-protetor.php?santoId=3

    ResponderExcluir

DEIXE SEU COMENÁRIO OU ESCREVA PARA NÓS PELO E-MAIL:
apostolosdarosamistica@hotmail.com